terça-feira, 5 de agosto de 2014

Inquietude


Como lidar com minha inquietude
Como lidar com essa saudade
Como lidar com essa dor no meu peito
Como entender esse meu jeito
Eu amo intensamente
Quero demasiadamente
Como posso querer e não querer
Como posso amar, sem querer, sem estar.
Sei que quero ir, só não sei pra onde
Eu sinto cheiros que não existe e sinto falta
Sinto gostos não sei do que, e que me enche de desejos
Sinto falta das mãos que não me tocaram,
Da boca que não beijei e que me deixa com sede
Sinto dor por não sentir você

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Dê vida ao blog, deixe seu comentário ele é muito importante