segunda-feira, 29 de julho de 2013

Siga seu caminho

E como se tudo se transformasse em cinzas de repente, já não existe eu e você
Aquele sentimento, juras de amor tudo evaporou pelo ar em minúsculos fragmentos
Meus olhos já não brilham quando te ver
Meu coração já não bate como melodias
Minha respiração agora anda calma serena, nada de excitação ou coisa parecida
Já não te amo mais
Você não me ama mais
É como os dois corações entrassem num acordo
Você não me bole e eu não bato por ti
Tudo ficou tão frio
Nos olhamos como amigas
Já não temos mais planos
O futuro que era nosso se acabou
As juras foram cumpridas menos o pra sempre
Alias sempre disse que o pra sempre é muita coisa
Então, adeus ou um até breve
Siga seu caminho com a certeza que te amei como mulher, e sigo te amando como amigas que somos...

domingo, 14 de julho de 2013

Um Ser Amor


Um Ser Amor
Paula Fernandes

Você veio inteiro, veio como o dia
Livre como o vento, numa tarde fria
Com o olhar brilhante, brilho de diamante
Um coração quente

Feito um vendaval em mim
Varreu as nuvens da minha solidão

E eu
Me apaixonei perdidamente por você
Agora sou
Bem mais que sei
Um ser amor

Amar alguém
É viajar pra terra onde ninguém vai
Amar alguém
É deixar fluir os sentimentos
Ser capaz de amar
Amar simplesmente