terça-feira, 4 de junho de 2013

Ritmo do amor


O coração bate nesse compasso
Não sabe se baila ou se sapateia 
Apenas bate descompassado
Meio amalucado, meio lucido
Vai lá entender esse coração apaixonado
Só sei que bate
Não faz mais tum tum como antigamente
Solta notas musicais suaves as vezes calientes
Mais ele bate ritmado
Envolvendo corpo alma e pensamentos
Coração só pode estar apaixonado
Ou simplesmente encantado
Por uma mulher com alma de menina.

2 comentários:

  1. Olá , passei pela net encontrei o seu blog e o achei muito bom,
    li algumas coisas folhe-ei algumas postagens,
    gostei do que li e desde já quero dar-lhe os parabéns,
    quando encontro bons blogs sempre fico mais um pouco meu nome é: António Batalha.
    Que haja muita felicidade e saúde em toda a sua casa.
    PS. Se desejar seguir o meu blog,Peregrino E Servo,
    fique á vontade,repare siga só se gostar, eu vou retribuir seguindo também o seu.

    ResponderExcluir
  2. "...sou alma que não guarda dor,sou carne onde bate um coração...
    Amor não é semente de um dia
    É sonhar na incerteza
    É voar na direção das estrelas,sabendo que existe um chão..."
    E diria mais é nunca desistir, é ver sua amada amar outras e ainda assim ama_la pelo resto da vida!

    FranciscoCesarG.

    NEOQAV

    ResponderExcluir

Dê vida ao blog, deixe seu comentário ele é muito importante