quinta-feira, 15 de novembro de 2012

cansada


tantas perguntas
tantas cobranças
tantas reclamações
tantas comparações
acha mesmo que isso é amor?
acha mesmo que vai conseguir algo assim?
amar é se doar
quer ser dona de alguma coisa?
compre um cão
compre um carro
Eu não nasce nem pra mandar e nem pra ser mandada
Quer mesmo alguém só sua
aprenda a respeitar
aprenda a entender
ninguém vive só de amor
viajar, comprar, festejar
quer mesmo me ter
respire por você
nunca deixe que sua mão direita saiba o que a esquerda fez
E triste dá e depois cobrar
não sou o que você quer
sou o que aprende a ser
eu sei amar
eu sei guarda
sei respeitar
só não aprende a obedecer


t

3 comentários:

  1. Aquela posse que machuca é ruim né?
    Amei o post!

    ResponderExcluir
  2. Lindissímo post. Ninguém é de ninguém, apenas cuidamos o que está ao nosso alcançe, ao nosso lado.Beijos poeticos, Má.

    ResponderExcluir

Dê vida ao blog, deixe seu comentário ele é muito importante