segunda-feira, 2 de janeiro de 2012

Por favor! Deixe-me


Por favor é o que te peço
Por favor deixe-me aqui quieta no meu canto
Preciso chorar meus prantos, me deixa aqui
Por favor é a ultima coisa que te peço
Preciso organizar meus pensamento
Preciso caminhar com o vento
Te peço por favor deixe-me aqui
Esse é meu canto esse é meu mundo não invada, esse é meu quarto
Deixe-me com meus pensamentos
Meu corpo não quer mais o seu
Deixe minhas lagrimas correr
Não é você que quero que as enxugue
Prefiro molhar meus cabelos, não me sobre com seu halito quente
Por favor é só que te peço
Deixe-me aqui
Meu caminho não mais te pertence
Seus braços não mais me aquecem
Por favor
Me deixe gritar
Deixa eu tirar de mim essa agonia do peito
Por favor
Deixe-me viver esse momento
Cansei de tempestades eu quero calmaria
Cansei de chorar de tristeza
Quero chorar e sorrir de alegria
Por favor!!!
Deixe-me aqui

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Dê vida ao blog, deixe seu comentário ele é muito importante