sábado, 28 de janeiro de 2012

volto em breve

Passando pra avisar aos meus leitores que breve estarei postando novos textos, afastada por motivo de força maior. Mais logo estarei de volta!
Aproveitem para reler e ler os textos que ainda não foram lidos, e não esqueça de deixar seu comentario.

Obrigado a todos

Cássia

sábado, 7 de janeiro de 2012

Traíção


Tem nada pior que descobre que a pessoa que você ama e diz te amar foi desonesta com você e cometeu o pior a Traição, isso é imperdoável, já fui traída algumas vezes e não falo de relacionamento falo de amizade mesmo,  Você faz planos, conta sua vida, convive, conta seus erros, suas frustrações, e a pessoa na primeira oportunidade usa isso contra você.
É ou não é pra fica puta?
Pior é quando essa pessoa de trai sutilmente, faz a merda depois vem com a cara mais cínica do mundo e lhe conta, como se isso fosse amenizar a traição... Vai se fuder!!!
Você faz um plano conta sua ideia, e logo em seguida lhe passa a perna, chama outra pessoa e coloca sua ideia em pratica, e pior depois de algum tempo quando se ver só na parada por que levou um pé na bunda, ainda tem o cinismo de lhe chamar pra trabalhar junto, é muita cara de pau... Se vira desgraça!
A  vida pra caminhar em paz, sem frustrações, terá de  será baseada no ostracismo, não fale mais, não divida mais meus problemas nem anseios, nem ideias, nem nada, ficar fechada, estar sempre em balanço sem tempo determinado pra reabrir, coração pra amar e boca pra falar.
Quer desabafar, quer contar seus planos, quer expor suas ideias, quer amar e ser amada por um amor puro?
Procure, converse com Deus, se não tiver fé, seu cachorro é um bom ouvinte, as plantas são companheiras fieis, seu quarto, seu travesseiro, chore, desabafe, as paredes ouvem, mais não falam.
Pense antes de se entregar nas mãos de uma pessoa.
Pense antes de dizer "Eu Te Amo"
Não acredite no ciumento, ele só tem medo que você faça o que ele esta acostumado a fazer.
Declaração de amor é linda, mais cuidado, você também pode ser traído, redes sócias então ai pra isso.
Seja honesto com você, por que ninguém conhece ninguém verdadeiramente.
Em outros caso... manda tudo e todos ir a merda e vá viver sua vida!!!

quinta-feira, 5 de janeiro de 2012

Juras de Amor Bruno e Marrone


Juras de Amor
Bruno e Marrone


Eu pensei que fosse fácil esquecer
Uma paixão
Descobri como é difícil dominar
O coração
São lembranças e momentos tão marcantes
Tão difíceis de apagar
Coisas simples e não menos importantes
Como posso não lembrar
Do beijo na boca,
Do cheiro da pele,
Das juras de amor
Que eram pra sempre
Não quero lembrar
Que tudo acabou
Só quero lembrar
Dos momentos de amor

Entre elas



Estavam as três amigas, brigadas com seus namorados, chorosas uma desabafava com a outra, enquanto bebiam, e lá pela madrugada já haviam consumido uma garrafa de Whisky e comido quase todos os frios que havia na casa. como havia acabado o Whisky uma delas foi na adega e trouxe a garrafa de vinho que o namorado guardava para uma noite especial, e elas três riam de tudo naquele momento, já estava todas com um teor de álcool grande no corpo, e tudo era motivo de riso e de lagrimas, colocaram musica e começaram a dançar e a rir ao mesmo tempo, as musicas era sugestivas pela tom e sensualidade que a musica causava, uma das moças começou a fazer um strip tese e isso foi contagiando uma a outra quando as trés se vira estavam de lingerie, e a musica da cantora Sade tocava e a sensualidade se aforava entre as meninas, foi quando uma delas se desequilibrou e caiu em cima da outra, pronto foi o que estava faltando pra tudo acontecer, os olhares se cruzaram e quando deram em si já estava se beijando e começaram a sorrir e a coisa foi ficando seria e as meninas começara a se esfregar uma na outra as bocas não se desgrudavam a amiga que estava ao lado também se empolgou deitou-se ao lado e começou a acaricia aquela pele macia e com os dedos contornava aquele bumbum aredondado e por fim colocou suas mãos por dentro da calcinha puxando-a pra baixo  ajoelhada começou a beija e passar sua língua naquelas nádegas arrebitadas, enquanto as outras ainda se beijavam, e começou ali uma descoberta entre as três, continuavam a beber e banha os corpos com aquele vinho caro e raro que estava guardado a 7 chaves, se tocavam delicadamente uma sugava o seio da outra embebido com vinho, as três se amaram, gemiam, e gozaram como nunca haviam tido tal sensação, uma explosão de descobertas e orgasmos tomou conta das três amigas, que depois de uma noite de loucuras descobertas, bebidas e prazer caíram no sono uma ao lado da outra, a primeira a acorda, viu que estavam todas nuas, garrafas espalhadas roupas calcinhas e soutiens todos unidos pala luxuria da noite, ela sentada sentada colocou a mão na cabeça que pesava por conta da ressaca e um sorriso de canto de boca surgiu, levantou-se e foi se banhar, não acreditando no que havia acontecido, não era nada de arrependimento era que no fundo ela lembrava de alguns momentos e gostava da cena que vinha a sua mente, vestiu o roupão e preparou o café pra ela e as meninas arrumou duas bandejas e colocou onde as outras se encontrava, e com um beijo carinho despertou-as, uma ressaca generalizada entre as três uma olhava pra outra e se perguntavam o que havia acontecido em silêncio ninguém dizia nada o café foi tomado em silêncio e depois que tomaram seus banhos as três sentadas permaneceram ali uma olhando pra outra e o silêncio foi quebrado pelo toque do celular, que não foi atendido, de cabeça baixa, as três começaram rir e sem dizer nada se abraçaram, juntaram suas mãos e em um grito de guerra, falaram "unidas para sempre" e o segredo daquela noite ficou guardado pra sempre com elas três

segunda-feira, 2 de janeiro de 2012

Por favor! Deixe-me


Por favor é o que te peço
Por favor deixe-me aqui quieta no meu canto
Preciso chorar meus prantos, me deixa aqui
Por favor é a ultima coisa que te peço
Preciso organizar meus pensamento
Preciso caminhar com o vento
Te peço por favor deixe-me aqui
Esse é meu canto esse é meu mundo não invada, esse é meu quarto
Deixe-me com meus pensamentos
Meu corpo não quer mais o seu
Deixe minhas lagrimas correr
Não é você que quero que as enxugue
Prefiro molhar meus cabelos, não me sobre com seu halito quente
Por favor é só que te peço
Deixe-me aqui
Meu caminho não mais te pertence
Seus braços não mais me aquecem
Por favor
Me deixe gritar
Deixa eu tirar de mim essa agonia do peito
Por favor
Deixe-me viver esse momento
Cansei de tempestades eu quero calmaria
Cansei de chorar de tristeza
Quero chorar e sorrir de alegria
Por favor!!!
Deixe-me aqui