quarta-feira, 30 de novembro de 2011

Deixa eu ser, vem ser...


Andei pensando em você
Meus pensamentos estão confusos e consumindo meu ser
Sentimentos que me corrói o peito
Me vira pelo avesso
Onde encontrar você, não encontro saída
Vou partir, mais pra onde?
Como devo me comportar?
Uma confusão, tormento
Você, meus pensamentos
Já voei, por nuvens e me transformei
Gritei por você, me mostrei me expus
Gritei aos quatro ventos
Eu te amo, não foge de mim
Vem tenho muito pra te dar
Palavras a dizer
Deixa eu ser, vem me pertencer
Quero você, não mais em pensamentos
Quero você, corpo, pele, beijos
Uma dor, lagrima que cai, molha meu rosto
Me deixa ser,
Vem ser, o meu sustento
Tira essa dor doída do meu peito
Deixa eu ser...

quinta-feira, 17 de novembro de 2011

Psiu!! Estou aqui ...


No dia em que as pessoas sentirem mais e acharem menos, o mundo talvez caminhe num curso menos doloroso, no dia em que as pessoas para de acha que sua dor é sempre maior que as dos outros, que sofre mais, que ama mais, que quer mais, a vida quem sabe caminhe melhor.
Você anda tão preocupada com sua dor, que não percebe que o outro também sofre, um sofrimento mais contido, mais também esta sofrendo, a dor é igual,  o drama é que é diferente, o medo de correr atras pra resolver, medo do recomeço, ou então de enxergar o obvio, e continua sofrendo e culpando o outro.
Pra que admite, aceita o erro se pode culpa a outra pessoa de tudo?
Sinceramente!!! Ando cansada de ser a fortaleza pros outros, cansei de rir, quando na verdade ao invés do sorriso o que quero mesmo é derramar uma rio de lagrimas. será que nunca ninguém vai notar através de meu sorriso um pedido de socorro?
Esse não é meu lugar, eu sei, Deus sabe, o mundo sabe, mais eu permaneço aqui, por que sei que tem alguém ao meu lado precisando de mim, do meu sorriso disfarçando a minha dor, de meu colo, mais sou eu que estou precisando pra sossegar, das minhas mãos pra acaricia, mais que na verdade esta estirada, pedindo, por favor me ajude!
Eiii,  também tenho umbigo sabia? não olha só pro seu, estou aqui, eiii, olha eu aqui!!!
Eu também tenho um coração, igual ao seu, ele bate, ele sofre, ele ama, ele também esta carente.
Minha alma implora por socorro.
Quando é que você, vocês vão notar que eu, eu também sinto, que eu também necessito de atenção, sou como uma flor ao vento, perdendo as pétalas, uma folha de papel em branco, me ajuda a escrever minha verdadeira estoria, sou um barco a deriva, eu só quero um porto, quero só que me resgate antes que seja tarde demais.
Tive um grande e único amor na minha vida, era uma perfeição, a imagem explicita da felicidade, os olhos amanheciam sempre brilhando, das brigas tirávamos proveito pro crescimento, dormíamos de mãos dadas olhando nos olhos, e desde que ela se foi, morri um pouco também, ressentimento perde minha vó, choro todo dia escondido, por que tento poupar que esta ao meu redor de sofrimento, então fico como um zumbi, nas madrugadas, olhando pro nada, a procura de coisa nenhuma, Deus as vezes senta ao meu lado e me acalmar, me faz sente que não estou só.
Todos estão acostumados a me ver sorrir, a levantar o astral das pessoas, e não percebem que eu, eu quero só um tiquinho de colo, um pouco de quietude, quero que escutem meu silêncio e me permita ouvir também.
A sua dor não é maior que a minha, eu só sinto diferente, você tem coragem de gritar, tem o dom da discussão, eu não, detesto brigar, prefiro baixar a cabeça e sair, mais nem por isso estou sofrendo menos.
Escrevo tanto sobre o amor, mais o amor não me descreve, o amor me camufla,.
Estou a ponto de um colapso, o silencio dentro de mim é ensurdecedor, ninguém percebe que preciso de socorro.

Psiu!!  Estou aqui  ...

quarta-feira, 9 de novembro de 2011

Quem dá mais???


Estou leiloando meu coração
Ele esta com algumas feridas por cicatrizar
E trás dentro dele uma saudade que não que cessar
Que arrematar não ira se arrepender
Apesar das feridas abertas ele tem muito a oferecer

Meu coração bate no compasso de quem o amar
Ele tem ritmo próprio e desafina quando quer encantar

E ai vai se arrisca ?
Quer arrematar?

Meu coração tem defeitos
É passivo de erros, e tem lá os seus medos
Meu coração só quer sossegar
Ele quer bater do jeito certo, basta você o amar

Meu coração é bandido
Tenho olhos que me fazem vibrar,
Ele sabe de segredos que você pode desvendar

Estou leiloando meu coração
Você quer?
Dê seu lance ele vai saber te amar

E só você querer dele ser
E sabe-lo dominar
Meu coração como os outros só quer sossegar.

domingo, 6 de novembro de 2011

Tenho Urgência


Eu quero você
Tenho urgência
Tenho uma pressa dentro de mim
Quero sente tudo, e com você
Tenho urgência de sua boca
Urgência da sua pele
Quero e tenho pressa de você
Quero você  com seus defeitos
Quero você com seus erros
Quero que me complete
Tenho urgência
Te quero pra mim
Quero seus medos
Seus anseios
Sua inocência seu passado perdido
tenho urgência de você
Quero cheiro, saliva, suor teu suco derramado em mim
Tenho pressa de sentir tudo
Quero você pra mim...

sábado, 5 de novembro de 2011

Não existe eu e você


Eu queria esta aqui falando de mim de você
Mais ai eu fico pensando será que ainda existe eu e você? Eu já nem sei mais quem eu sou e o que você se tornou pra mim, já não te desejo, já não te vejo como mulher, então como posso escrever sobre eu e você?
Respiro fundo e busco no meus pensamentos lembranças, que me motive a te amar novamente, e as lembranças somem nos erros que você e eu cometeu, não consigo, busco sorrisos de canto de boca, não consigo mais ver o futuro, nem eu e nem você.
Talvez as lembranças tenham se perdido no abismo em que nossa relação se transformou
Não vejo a luz, não vejo recomeço, não visualizo nada, nada além de um vasto vazia e nenhuma lembrança
É duro admite que o amor se perdeu, e que eu, sinceramente não quero reencontrar, acabou o encanto, o mistério, eu amei, e amei demais.
Mais acabou
preciso seguir, e você precisa parte...