domingo, 16 de outubro de 2011

confusão mental


Sabe quando você sente algo e não sabe o que é?
E você passa o dia se perguntado, por que?
Esse é o dia

Acordei sem saber quem sou
Olhei da janela do meu quarto e não vi o céu
Não escutei o latido do meu cachorro
Olhei uma rosa e não sentir seu perfume
Sei que havia luz, mais no meu olhar a escuridão
Uma lágrima que embasava minha visão

Sabe quando você fala fala e ninguém te entende?
Pois é esse escrito talvez responda o que nem eu mesmo entendo

Uma confissão de letras
Uma mistura de palavras sem sentidos sem rimas
Uma confusão de pensamentos

Estou assim, aqui...
Meus pensamentos?
Estão lá!!
Mais uma vez pedido, procurando encontrar respostas
Nessas letras confusas
Nessas palavras sem nexo
nessa confusão mental apaixonada
Que não sabe o que sente
Se quer, se vai...

Palavras, palavras loucas
Quem sabe um dia eu volte a lê-las e as entenda
Por que hoje nem eu mesma sei o que elas sentem...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Dê vida ao blog, deixe seu comentário ele é muito importante