terça-feira, 18 de janeiro de 2011

O amor quando acaba




Quando chega ao fim não tem jeito, tudo na pessoa passa a incomoda.
A presença, aquele olhar que antes te falava sem palavras,lembra? Passa a não dizer mais nada, o perfume que lhe provocava sensações hoje só causa repulsa, as mãos macias e leves que te provocava arrepio,passa da impressão que tem uma lixa passando pelo seu corpo e o que tinha leveza passa a ter peso de um trator, aquele beijo molhado, aquela língua que explorava cada canto e espaço da boca e do seu corpo e que te deixava mole, venerável, a sensação que deixa agora é de nojo. Nada é pior quando acaba o amor do que deitar na mesma cama. Antes dormia de conchinha, pernas entrelaçadas, dividindo o mesmo travesseiro o mesmo cobertor, quando acaba o amor... hummm! Passamos a procura um cantinho pra se esconder na cama mais é inútil, ela quer você pertinho como antes. E quando quer fazer amor? E você já usou todos os argumentos e desculpas possíveis pra adiar aquele momento que antes era tão esperado... você sem saída e pra não magoar cede aos assédios, fecha os olhos e reza pra que acabe logo, e quando acaba, você chora de raiva de você, porque na verdade a outra parte não tem culpa, você foi que deixou de amar... Ela não ainda te quer, te deseja, e por mais que você demonstre que não mais a ama e que não sente mais prazer em esta ao lado dela, mais ela fica romântica, mais desejo ela sente, mais vontade ela tem de estar perto, é como que ela soubesse que você quer terminar tudo, e ela te ama te agrada mais e mais e você sente-se culpada, e fica mantendo uma relação só pra não magoar e acaba se magoando,e se torna uma mulher fria, sem sentimentos ou sensações e não adianta finge dor de cabeça, cólica, porque ela vai querer cuidar, te colocar no colo, mimar você... Quando o amor acaba fica foda!!!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Dê vida ao blog, deixe seu comentário ele é muito importante